Conheça as vantagens do Sistema HPM sobre o Sistema Hidropônico Convencional

Que a Hidroponia é um sistema muito mais eficaz em muitos pontos que o sistema convencional de solo já se é sabido há muito tempo. Porém, mesmo no sistema convencional hidropônico, o processo de colheita, manejo pelas estufas e higienização acarretam em gasto de tempo excessivo e problemas como a contaminação das plantas e a ergonomia durante o trabalho.

O Sistema HPM ou Sistema Hidrogood Perfil Móvel tem como objetivo facilitar o manejo e elevar a produção hidropônica. Ele foi projetado para ter um número maior de plantas na mesma área e mais agilidade no manejo, o que consequentemente, acaba elevando a produção.

Ele utiliza um único corredor central, com estrutura adequada ou carrinho, que se locomove através de trilhos fixados no chão, feitos para a movimentação dos perfis. As bancadas transversais são dispostas de 3 a 3,5 metros, ideais para estufas agrícolas Hidrogood de 7 a 8 metros de largura. Esse sistema permite que se plante mais por metro quadrado e o produtor tenha um aumento de até 20% na sua produção com a mesma área.

No vídeo abaixo, o produtor rural Ricardo Tarchiani faz uma comparação real entre os sistemas:

Vantagens do Sistema HPM

Embora o sistema mais utilizado pelos hidroponistas seja o convencional, ele possui muitas desvantagens quando comparado ao HPM:

  • Dificuldade em chegar ao ponto de colheita: É preciso caminhar com o equipamento em mãos até o ponto de colheita, desviando das outras bancadas, pilares, etc.
  • Tempo e energia desperdiçado: Como o processo de colheita é feito várias vezes no dia, o tempo que se leva andando pela estufa para chegar até ao ponto de colheita é muito grande.
  • Má postura no trabalho: Nesse sistema 80% do corpo fica inclinado. Para colher um alface no meio da mesa, por exemplo, é preciso fazer um grande esforço para poder chegar até o ponto. Além disso, durante a higienização dos perfis o operador fica o tempo todo inclinado, pois o processo é feito de barra em barra e, normalmente, cada mesa tem de 9 a 10.
  • Tendência a fungos e bactérias: A caixa onde se colocam as plantas já ensacadas é apoiada em cima da mesa e muitas vezes antes disso ela é colocada no chão, o que acaba levando bactérias e fungos para o sistema.
  • Mesas paradas: Os perfis, por serem muito longos (400 furos em média), não são colhidos e higienizados todos os dias, o que causa um impacto financeiro muito grande no faturamento da empresa, além disso ocorre certa desuniformidade das plantas com a falta de sincronismo no crescimento delas.
  • A planta sofre um certo estresse na hora de ser transplantada, pois é preciso retirá-las do berçário, colocá-las em uma caixa ou isopor para levá-las até o local do transplante e colocá-las em um perfil.
  • O replante não pode ser fracionado: As mudas ficam prontas todas juntas, não sendo possível fracioná-las conforme a higienização das mesas.
  • Nesse tipo de sistema os perfis são longos e a solução nutritiva demora para chegar até o final dele, causando o aquecimento dela.

Já no sistema HPM, todos esses problemas são facilmente solucionados, além de outras vantagens que o produtor ganha:

  • Colheita fácil, rápida e dinâmica: No sistema móvel o produtor fica livre para escolher por barra, ou seja, não fica travado em mesas fixas.
  • Sem esforço: Como as plantas ficam em barras de perfis, para colher basta desacoplar as barras e apoiar no carrinho.
  • Caixas longe da plantação: As caixas onde as plantas serão colocadas para despache ficam na área de manejo, uma área que fica na parte frontal da estufa, facilitando ainda mais o transporte para o caminhão e evitando contato com a plantação.
  • Processo de embalar fácil e rápido: Diferente do sistema convencional, não é necessário uma segunda pessoa para embalar, pois todo o processo é feito rapidamente e apenas uma pessoa consegue fazer todo o trabalho, sem se cansar e se esforçar.
  • Trabalho 100% ergonômico: O corpo fica o tempo inteiro reto, seja na colheita, transplante, replante ou higienização dos perfis, evitando que o trabalhador fique inclinado forçando a lombar.
  • Todo o manejo é feito em um lugar só: Além de agilidade no processo, não é preciso ficar caminhando com o suporte dentro da estufa.
  • Menos tempo de operação: Por conseguir colocar várias barras de perfis no carrinho, o produtor consegue fazer em menos tempo a colheita e, consequentemente, terá mais tempo para outras tarefas no dia.
  • Mudas em tamanho ideal para transplante: O fato de se conseguir fazer plantio por barra possibilita que todos os dias seja possível fazer um replante, assim haverá uma constância diária de planta pronta para ser colhida. Isso ajuda no aumento do faturamento, pois o haverá produto para retirar todos os dias.
  • Plantas colhidas e transplantadas no mesmo instante: Assim que a colheita é feita, é possível fazer o replante imediato. É um processo rápido e as mudas não sofrem estresse.
  • Sem resíduo no chão da estufa: Por ter uma área especificamente para a lavagem dos perfis, a estufa fica mais limpa e higienizada, gerando menos problemas com fungos, bactérias e doenças no geral.

O sistema HPM, desenvolvido pela Hidrogood, é o sistema mais rápido e funcional atualmente para uma produção hidropônica.

A Hidrogood produz e desenvolve tecnologia em tudo para Hidroponia: desde o berçário, os perfis em polipropileno, as estufas em aço galvanizado, os fertilizantes e todos os equipamentos necessários para hidroponia. O desenvolvimento do Sistema HPM foi feito pensando exclusivamente na praticidade do manejo e no aumento de produção com a mesma área do sistema convencional.

Nós ainda nos prontificamos a fornecer a todos projetos hidropônicos completos totalmente gratuitos e sem compromisso. Fazemos isso como um incentivo para que você possa conhecer a nossa experiência de trabalho e a qualidade de nossos produtos. Solicite o seu e faça parte do grupo de produtores que mais produz no Brasil.

Gostou deste artigo? Separamos alguns que certamente irão lhe interessar: